A+

A-

Atendimento de Segunda a Sexta das 08:00 às 11:30 e das 13:30 às 17:00 horas.

(51) 3789.1311 / (51) 3789-1559 e Fax: (51) 3789-1546

Atendimento de Segunda a Sexta - Feira
08:00 às 11:30 e das 13:30 às 17:00 horas.

(51) 3789.1311 / (51) 3789-1559
 Fax: (51) 3789-1546

NOTÍCIAS

Voltar

Moradores de Boqueirão do Leão investem em segurança

2017-08-18

Moradores investem em segurança

Aumento na criminalidade resulta na instalação de sistemas de monitoramento

Crédito: Julia TomaziInstalação de grades e câmeras de monitoramento aumenta na cidade

Desde o início do ano, muitos furtos, roubos e ataques a agências bancárias ocorreram na região, criando um clima de insegurança na população, que anseia por proteção e por atitude dos órgãos competentes.

Em Boqueirão do Leão, moradores adotam providências para garantir a segurança de estabelecimentos comerciais e residências. Na loja de Adão Mariano, foram instaladas grades. De acordo com o comerciante, ele adotou a medida depois dos furtos na casa paroquial e em estabelecimento comercial no centro. “Se até da igreja estão roubando é porque está ficando sério”, comenta.

Na opinião dele, a Polícia Civil poderia tomar algumas atitudes e talvez ter mais gente para trabalhar nos casos. “Toda semana tem alguma coisa, está virando rotina, as pessoas nem se assustam mais.”

De acordo com Júlio César da Silva, profissional da área de sistemas de segurança, as vendas aumentaram nos últimos meses. “Antes havia uma preocupação maior por parte do comércio, mas nos últimos tempos houve um aumento de 80% nas instalações em residências”, comenta.

A empresa atende os municípios de Gramado Xavier, Herveiras, Sinimbu, Canudos do Vale, Sério e Boqueirão do Leão faz dez anos. Conforme ele, os investimentos em segurança são variados, mas a cada dia os clientes optam por mais qualidade nas câmeras e alarmes. “Grande parte se deve à facilidade do acesso via celular e também à possibilidade de vigilância quando o proprietário opta por uma viagem, por exemplo.”

Para o empresário e pai de família André Luis Conte, a insegurança também foi motivo de novos investimentos. Ele já havia instalado sistemas de segurança por monitoramento nas duas farmácias da família há mais tempo e nas últimas semanas decidiu proteger também a residência. “Em razão da insegurança, uma das maneiras que encontramos foi essa para inibir a ação de criminosos”, revela.

Aumento na insegurança

Recentemente máquinas da empresa Giovanella foram furtadas em obra na ERS-421, na localidade da Raia, entroncamento de Sete Léguas e Linha Araçá. Outro fato recente foi a tentativa de arrombamento a uma casa comercial em Pedras Brancas. (Fonte; Jornal a Hora Regional)